07/11/2014 - Professor italiano fala sobre Direito do Trabalho e União Europeia em evento do TRT-PR

Imagem em plano médio mostra o jurista italiano Gianni Arrigo dirigindo-se, por microfone, à plateia em aula magna proferida no auditório da Escola Judicial do TRT-PR. O professor está sentado em uma poltrona, com as mãos apoiadas sobre a mesa. Uma placa de identificação colocada na mesa, à sua frente, traz o seu nome. É possível ver ainda, sobre a mesa, uma pilha de papéis em frente ao professor. Ao fundo, desfocadas, aparecem parcialmente as bandeiras do Brasil e do Estado do Paraná.
Aula magna do jurista italiano Gianni Arrigo abordou temas do Direito do Trabalho

O jurista Gianni Arrigo, professor de Direito do Trabalho da Faculdade de Economia da Universidade do Estudo de Bari, na Itália, foi o convidado para ministrar nesta quinta-feira, 6/11, Aula Magna com o tema “O Direito do Trabalho no âmbito da União Europeia e Temas do Direito do Trabalho”.


O evento abriu a 4ª turma do “Curso de Especialização (lato sensu) em Direito: Capacitação Avançada para o Assessoramento na Jurisdição Trabalhista”, que faz parte do Programa Plurianual de Capacitação de servidores do TRT-PR.

Arrigo ressaltou a necessidade de aumentar o envolvimento das forças sindicais nas questões sociais, incluindo o trabalho. “Primeiro vem o direito do trabalhador, depois o do empregador. A liberdade econômica da empresa tem que ser compatível com os direitos sociais”, afirmou durante sua explanação.


O convidado também falou sobre a União Europeia e a necessidade de uma união política além da econômica. “Hoje temos uma assimetria entre os países do grupo a respeito da regulação das relações de trabalho. Precisamos de um projeto único sobre direitos fundamentais”, disse o professor.


Os participantes puderam ainda acompanhar uma discussão em torno do tema central da aula inaugural envolvendo Arrigo e os juristas Wilson Ramos Filho e José Eymard Loguercio, além da presença do presidente da Associação dos Magistrados do Trabalho da 9ª Região (Amatra/PR), José Aparecido dos Santos.


O desembargador Célio Horst Waldraff, diretor da Escola Judicial, destacou a importância dos treinamentos como ferramenta para melhorar a prestação jurisdicional. “Temos hoje cinco milhões de processos em andamento na Justiça Trabalhista brasileira. Para atender a essa demanda com qualidade é preciso capacitação”, falou a magistrados e servidores.


O evento teve tradução simultânea para os participantes
.
   
Notícia publicada em 7/11/2014
Assessoria de Comunicação do TRT-PR
(41) 3310-7309
ascom@trt9.jus.br
Última atualização: segunda, 10 Nov 2014, 09:38