09/11/2016

Workshop conclui 1º ciclo do programa Gestão de Pessoas por Competências no TRT

<<Voltar


Na próxima sexta-feira, 11 de novembro, 385 servidores de todo o Tribunal do Trabalho do Paraná, ocupantes de cargos de gestão, participarão do Workshop "Líderes de Resultado - Compromisso com a gestão eficaz e excelência no desenvolvimento de pessoas". Magistrados, que compõem elo fundamental no desenvolvimento do projeto, também estão convidados à participação.

O desenvolvimento aprofundado da competência liderança junto aos servidores gestores propiciará ao Tribunal do Trabalho do Paraná prosseguir para a 2ª fase do Programa, autorizada pelo presidente, desembargador Arnor Lima Neto.

O encontro, com quatro horas de capacitação, ocorrerá no Plenário Pedro Ribeiro Tavares, das 9h às 13h e encerra formalmente o 1º Ciclo do Programa Gestão de Pessoas por Competências (GPC) iniciado em novembro de 2013 pela Administração do Tribunal e concluído em agosto de 2015, por meio de detalhado relatório de avaliação do projeto que apontou, nesta fase, a necessidade de desenvolver a competência liderança.

O modelo de Gestão de Pessoas por Competências foi implantado no Tribunal Paranaense correspondendo à Resolução CJST 92/2012, atualizada pela Resolução 156/2015. O Programa é responsabilidade da Secretaria de Gestão de Pessoas e as atividades são organizadas com o apoio da Escola Judicial.

O Workshop será ministrado pelo consultor externo Eduardo Carmello, que aprofundará em dois módulos expositivos, com proposta de trabalhos conceituais de reflexão, o seguinte conteúdo programático ligado ao indicador "liderança":

- Desafios estratégicos no mundo VUCA (volátil, incerto, complexo e ambíguo);
- Os papéis, competências e responsabilidades de um gestor de resultados;
- Engajamento e capacitação estratégica.

Eduardo Carmello é consultor organizacional e educacional especialista em Gestão Estratégica de Pessoas, com ênfase no modelo de Competências adotado pela Justiça do Trabalho, é conferencista em Recursos Humanos de atuação nacional, professor do MBA Gestão Estratégica e Econômica de Pessoas da FGV-SP, "coach" certificado pelo ICC - International Community Coaching (Lambent do Brasil). Ministrou workshops com mesmo perfil em outros Tribunais brasileiros e é colaborador da ABRH - Associação Brasileira de Recursos Humanos e da ABTD - Associação Brasileira de Treinamento e Desenvolvimento.


RESOLUÇÃO 92 DO CSJT

Art. 2º Para os fins do disposto nesta Resolução considera-se:

I – Competência: agrupamento de conhecimentos, habilidades e atitudes correlacionados, que afeta parte considerável da atividade de alguém e que se relaciona com seu desempenho profissional; II – gestão de pessoas por competências: gestão do desempenho orientada para o desenvolvimento do conjunto de conhecimentos, habilidades e atitudes necessários ao exercício das atividades dos servidores, visando ao alcance dos objetivos institucionais; III – gestão de pessoas: conjunto de práticas gerenciais e institucionais que visam a estimular o desenvolvimento de competências, a melhoria do desempenho, o engajamento e a integração dos servidores, bem como a favorecer o alcance dos resultados institucionais; IV – gestor: magistrado ou servidor que entrega resultados à instituição por meio de gestão de pessoas, de recursos e de processos de trabalho (...)



Notícia publicada em 09/11/2016
Assessoria de Comunicação do TRT-PR
(41) 3310-7313
ascom@trt9.jus.br
Última atualização: quinta, 10 Nov 2016, 10:36