01/10/2018

Escola Judicial do TRT-PR e Fundação Getulio Vargas assinam acordo de cooperação

<<Voltar
Foto: Presidente da FGV, Carlos Leal e desembargador Cássio Colombo Filho
O presidente da FGV, Carlos Leal (à esquerda), e
o desembargador Cássio Colombo Filho

Com o objetivo de promover a troca de conhecimentos e de práticas que possam contribuir para o aprimoramento do Poder Judiciário, a Escola Judicial (EJ) do TRT-PR e a Fundação Getulio Vargas (FGV) assinaram um Acordo de Cooperação Científica, na última sexta-feira (27), no Rio de Janeiro.

A parceria deve garantir a membros do Poder Judiciário o acesso a instrumentos que permitam avaliar a dimensão econômica das decisões judiciais, em especial questões recorrentes na rotina das atividades jurisdicionais.

Colaboração
Antes da formalização do acordo, EJ e FGV já trabalhavam em colaboração. O Programa de Direito e Economia para Membros do Judiciário, iniciado em agosto no Regional paranaense, é um bom exemplo do trabalho que vem sendo desenvolvido de forma conjunta pelas Instituições.

De acordo com o diretor da EJ, desembargador Cássio Colombo Filho, a proposta do programa é "apresentar a magistrados e servidores o racional econômico das regulações trabalhistas e examinar como ajudam a entender as mudanças introduzidas pela Nova Legislação Trabalhista".

Participaram da solenidade que formalizou Acordo de Cooperação Científica o desembargador Cassio Colombo Filho, a coordenadora da EJ, juíza Morgana de Almeida Richa, o presidente da FGV, Carlos Ivan Simonsen Leal, entre outras autoridades.


Assessoria de Comunicação do TRT-PR
(41) 3310-7313
ascom@trt9.jus.br

Last modified: Tuesday, 1 October 2019, 1:25 PM